Táxis serão padronizados; fiscalização começa segunda.

No início da noite desta segunda-feira (24), as Secretarias Municipais de Segurança Pública e de Governo receberam no Plenário do Paço Municipal, os representantes dos taxistas que exercem estes serviços no município de Pirassununga.

Um recente levantamento feito pela pasta de Segurança Pública, Pirassununga dispõe de dez pontos de táxis regulares, com 70 motoristas, e grande parte destes profissionais trabalham com alguma irregularidade, que deverá ser sanada o mais breve, pois a fiscalização deve se iniciar já na próxima semana.

Segundo o secretário municipal Paulo André da Silva Tannús (Segurança Pública) serão exigidos o uso obrigatório de taxímetro e todos os profissionais devem providenciar as respectivas documentações, habilitações compatíveis para a função e, também é essencial que os carros deverão ser reconhecidos pela cor branca com adesivos laterais em preto, além das placas vermelhas, o que caracteriza carro de serviço de aluguel, conforme especificações do Código Nacional de Trânsito.

De acordo com as explicações feitas por Tannús e também pelo secretário municipal Jorge Luís Lourenço (Governo), a fiscalização será efetivada a partir da próxima segunda-feira (31 de julho), e que foi acatada por todos os taxistas participantes do encontro.

Esta fiscalização deverá ser realizada, a partir da próxima semana, pelos setores competentes da municipalidade: a própria pasta de Segurança Pública e os setores de Fiscalização de Posturas (Planejamento e Desenvolvimento Econômico) e Fiscalização de Rendas (Finanças). Quaisquer irregularidades serão feitas através de notificações e, posteriormente, serão lavradas multas.

“De um modo geral, 14 táxis atualmente, prestam serviços sem alvará; e somente 20 dos 70 profissionais que trabalham com táxi estão totalmente regularizados e de acordo com a exigência da lei vigente”, comentou o secretário Paulo Tannús (Segurança Pública).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: