Prefeito vistoria obras de combate a enchentes e explica necessidade da intervenção

O prefeito de Pirassununga Ademir Lindo visitou nesta semana as obras contra enchentes que estão sendo realizadas no Centro de Pirassununga. As obras começaram há cerca de dois meses e já avançaram pela rua Pereira Bueno, próximo da Avenida Prudente de Moraes.

As obras que vêm sendo realizadas pela Prefeitura, por meio do Saep, para acabar com inundações na região central da cidade já foram finalizadas na Rua Siqueira Campos – o local recebeu a instalação de bocas de lobo no cruzamento na frente do Teatro Cacilda Becker, quando uma caixa subterrânea de grande porte foi instalada para que a água das bocas de lobo sejam conduzidas ao sistema de drenagem.

Subindo pela Pereira Bueno, o Saep fez procedimento similar no cruzamento com a Joaquim Procópio de Araújo, e em pouco tempo a Joaquim Procópio de Araújo, hoje interditada neste trecho, deve ser liberada. Além disso as obras devem avançar pela Prudente de Moraes e podem causar transtornos.

O prefeito Ademir Lindo explicou durante a visita que estava no local para mostrar aos cidadãos de Pirassununga a obra. “É uma obra para melhorar nossa cidade e evitar inundação no Centro”, explicou.

Enquanto a obra segue a equipe do Saep rapidamente vem refazendo o calçamento e reasfaltando os trechos que já receberam canalização, permitindo a liberação do trânsito nessas vias. Ele reforçou que a obra é necessária e fundamental, e as chuvas esporádicas não devem atrapalhar os trabalhos.

As obras para terminar com as inundações na região central devem seguir agora pela Pereira Bueno até a Avenida Prudente de Moraes, passando depois pela Rua Amador Bueno. Dali elas continuam em direção à Ladeira Padre Felipe, de onde chegam para a Rua Capitão Evaristo.

As intervenções podem levar cerca de 6 meses e são necessárias para evitar que Pirassununga enfrente problemas mais graves com a drenagem de águas pluviais. O Saep já explicou que poderá haver rompimentos em redes de esgoto que estejam no trajeto. Por isso é necessária a compreensão da população. Serão feitas mais de 100 bocas de lobo ao longo do trajeto. A medida que a obra avance, as ruas serão fechadas. Concomitantemente o Saep vai reasfaltar os trajetos cujas intervenções já tenham sido realizadas, liberando o trânsito nesses pontos (como já foi feito na Siqueira Campos desde o início desta semana).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: