Banco do Povo de Pirassununga conta com cartão pré-pago para apoiar microempreendedores

O Governo do Estado lançou nesta quinta-feira (11) o cartão do Banco do Povo, com objetivo de facilitar a movimentação dos empréstimos concedidos aos microempreendedores dos municípios conveniados, especialmente para os que não possuem conta corrente. A ideia é auxiliar os empreendedores mais impactados pela pandemia.

O cartão disponibilizado pelo governo poderá ser utilizado para compras de insumos em estabelecimentos que aceitem a bandeira Mastercard ou e-commerce. Além disso, terá acesso ao extrato e saldo de forma online pelo site.

Para receber o cartão pré-pago, o empreendedor deverá solicitar uma das linhas de crédito oferecidas pelo órgão. O cartão está disponível nas unidades conveniadas do Banco do Povo a partir desta sexta-feira (12) e será ofertado para todas as opções de crédito de capital de giro e investimento. A aquisição não é obrigatória.

Os empreendedores podem solicitar as linhas de crédito de forma totalmente online pelo site www.bancodopovo.sp.gov.br ou presencialmente na agência do Banco do Povo em Pirassununga. O Banco do Povo está localizado no Ganha Tempo (Rua Coronel Franco, 2225, Centro). O horário de funcionamento é das 08h30 às 11h e das 13h30 às 16h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (19) 3562-3629.

O cartão pré-pago do Banco do Povo representa um avanço na modernização e na agilidade para a liberação de créditos aos microempreendedores que têm vontade e querem materializar seus sonhos com suas empresas”, explica o secretário de Comércio e Indústria, Vitor Naressi.

Conheça as linhas de microcrédito do banco do Povo

Conforme o Governo do Estado anunciou, a liberação de R$ 25 milhões em microcrédito pelo Banco do Povo visa apoiar os empreendedores dos municípios conveniados. A primeira linha é para os empreendedores informais e produtores rurais sem CNPJ, com opções de crédito de até R$ 15 mil e taxa de juros de 1% ao mês. O prazo para pagamento é de até 12 meses e carência de até 60 dias para capital de giro. Já para o investimento fixo e misto, o prazo para pagamento é de até 24 meses com até 90 dias de carência. O empreendedor deverá realizar um curso de qualificação empreendedora (disponível tanto online quanto presencial por meio do Sebrae-SP), apresentar avalista e não ter restrições creditícias.

Já a segunda linha é voltada para empreendedores com CNPJ. Com taxa de juros de 0,35% ao mês, o limite de crédito é de até R$ 21 mil e o prazo para pagamento de até 24 meses com carência de até 60 dias para capital de giro. Já para o investimento fixo e misto, o prazo para pagamento é de até 36 meses com até 90 dias de carência. Para solicitar os financiamentos, o empresário também deverá realizar um curso de qualificação empreendedora (disponível tanto online quanto presencial por meio do Sebrae-SP) e não ter restrições creditícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *