Agita Idoso tem atividades na Praça Central

A Secretaria de Saúde de Pirassununga realiza nesta quarta-feira (26) o “Agita Idoso” na Praça Central de Pirassununga, em uma iniciativa em alusão ao Dia do Idoso que será comemorado na próxima segunda-feira, dia 1° de outubro.

O Agita Idoso está inserido no Programa “Agita São Paulo“, e tem o objetivo de compartilhar os mais recentes conhecimentos técnico-científicos sobre saúde/doenças e incentivar a população idosa para a prática de ações preventivas. A data alusiva aos idosos é geralmente celebrada na última sexta-feira feira do mês de setembro, pois antecede as celebrações oficiais do Dia do Idoso que acontecem em outubro. Como o CCI (Centro de Convivência do Idoso) pretende levar os idosos para uma comemoração na praia, o Agita Idoso foi antecipado para esta quarta-feira (26).

Para garantir participação efetiva da terceira idade, um ônibus passará nas USF para transportar os interessados até a Praça Central.

As ações na Praça Central visam conscientizar os idosos sobre os benefícios da prática regular da atividade física. A ideia é reforçar a recomendação atual de atividade física na terceira idade.

Um em cada três idosos brasileiros apresenta limitação funcional

Especialistas apontam que as atividades físicas e ações preventivas, como as sugeridas no Agita Idoso, ajudam a diminuir a limitação funcional na população idosa.

Conforme análise realizada pela Fundação Oswaldo Cruz, com dados da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS 2013), um em cada três idosos brasileiros apresentava alguma limitação funcional. Destes, 80%, cerca de 6,5 milhões de idosos, contam com ajuda de familiares para realizar alguma atividade do cotidiano, como fazer compras e vestir-se, mas 360 mil não possuem esse apoio.

Segundo o governo federal, o Brasil possui a quinta maior população idosa do mundo, com cerca de 28 milhões de pessoas com 60 anos ou mais. Atualmente, a proporção de pessoas idosas no País alcançou 13,7% da população geral. Nesse grupo, o que mais expressivamente cresce são os idosos longevos, que vivem 80 anos ou mais. De acordo com as estimativas, em 2030, o número de brasileiros com 60 anos ou mais ultrapassará o de crianças de zero a 14 anos de idade.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: