Pirassununga é selecionada para receber escola cívico-militar

Em visita a Pirassununga realizada na manhã de terça-feira (20), o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares, participou de reunião com autoridades municipais – incluindo o prefeito municipal, Dr. Dimas Urban, os secretários municipais Paulo Rosa (Educação), Vitor Naressi (Comércio e Indústria) e Willian Ponciano (Cultura); participaram também, o professor Anísio da Costa, Dirigente Regional de Ensino e o Deputado Estadual, Tenente Coimbra, que indicou Pirassununga para ter uma unidade educacional cívico-militar – e confirmou a possibilidade da implantação de um modelo de escola cívico-militar na Escola Estadual Professor Paulo de Barros (Vila Esperança).

O chefe da Educação esteve na cidade com vistas a acompanhar a vacinação contra Covid-19 em profissionais da Educação. Após a visita na USF Guaraciaba Vanin, no bairro da Raia, foi realizada uma reunião entre autoridades municipais e estaduais e representantes da escola Paulo de Barros. Rossieli explicou os procedimentos para a implantação de uma Escola Cívico Militar, informando os passos a serem adotados.

Um dos primeiros, já adotado, era demonstração da intenção em realizar a mudança. O procedimento deverá ser confirmado pela comunidade escolar. Por isso, prevê-se provavelmente, para dia 31 de Maio (uma segunda-feira), a realização de uma audiência pública, que servirá para que a unidade escolar participe desse debate e que a comunidade escolar opine se é a favor ou contra a instalação da escola cívico militar.

Em relação ao posicionamento do Governo do Estado, a intenção sinalizada foi de seguir com a implantação, dependendo agora da concordância da comunidade escolar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.