Cultura: divulgada programação de oficinais culturais online

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo divulgou nesta quarta-feira (24) a programação de oficinas culturais que acontecerão de modo online.

As inscrições do Programa Oficinas Culturais para as oficinas que acontecerão no mês de março, ao vivo via Zoom, já foram iniciadas.

Informações, datas, horários e público-alvo de cada item, além dos seus respectivos objetivos, contam junto às descrições relacionadas abaixo ? em que são detalhadas a ?Lei Aldir Blanc: Prestação de Contas ? Subsídio Inciso II e Editais Inciso III – Sociedade Civil?, a ?Oficina: Estado ? Presença e Jogo: A Comicidade virtual na arte da Palhaçaria?, a ?Oficina: Afinal, o que é Economia Criativa??, a ?Oficina: Conexão Entre Dança Contemporânea e Danças Brasileiras?; e ainda ?Percussão Baiana – Módulo 2?.

A Secretaria Municipal de Cultura ainda aproveita para reforçar também formações culturais gravadas que o público pode assistir quando quiser no canal https://www.youtube.com/OficinasCulturaisdoEstadodeSaoPaulo, clicando em “vídeos”.

   –   

? LEI ALDIR BLANC: PRESTAÇÃO DE CONTAS ? SUBSÍDIO INCISO II E EDITAIS INCISO III – SOCIEDADE CIVIL

Coordenação: Ana Paula do Val, Ivan Montanari e Maria

Carolina de Oliveira

Datas e horários: 23 e 25 de março, das 18h às 20h

Inscrições: 17/2 a 3/3

70 Vagas

Público-alvo: agentes culturais da sociedade civil

Link do formulário: https://forms.gle/9cf2KqpdrboZyMsd7

A oficina tem como objetivo apresentar conceitos e discutir a aplicação da Lei Aldir Blanc (Lei federal 14.017/2020) em municípios do Estado de São Paulo, a partir das bases estabelecidas pela regulamentação da mesma. Será abordado especificamente o Inciso II (subsídio; Tipos de gastos possíveis de acordo com a regulamentação federal e algumas referências municipais; Prazo e forma da prestação de contas); Inciso III (editais; Tipos de gastos possíveis; Formas mais comuns de prestação de contas de editais de concurso e premiação; Como elaborar um relatório; Juntada de documentos e guarda de notas fiscais); e, por fim, um panorama da prestação de contas dos entes municipais com a gestão federal. Estes conteúdos serão tratados de formas diferenciadas visando a atender as demandas de gestores públicos e da sociedade civil quanto aos processos de prestação de contas da LAB.

   –   

? OFICINA: ESTADO ? PRESENÇA E JOGO: A COMICIDADE VIRTUAL NA ARTE DA PALHAÇARIA

Coordenação: Caco Mattos

Datas e horários: 15, 17, 22, 24 de março, das 14h às 16h

Inscrições: 17/2 a 3/3

30 Vagas

Público-alvo: Artistas iniciantes a partir de 16 anos, profissionais, atores, bailarinos, músicos e interessados em geral pela comicidade.

Necessidades: espaço para realização da atividade e é fundamental deixar a câmera ligada.

Link do formulário: https://forms.gle/qwtePRLhTQiXY44f6

Por meio de jogos, improvisações e técnicas ministradas virtualmente, serão experimentadas na prática algumas ferramentas geradoras da comicidade tomando por base exercícios específicos para ativar e estimular as três vertentes fundamentais à arte da palhaçaria: O Jogo ? O Estado ? A Presença.

   –   

? OFICINA: AFINAL, O QUE É ECONOMIA CRIATIVA?

Coordenação: Karina Poli

Datas e horários: 16, 18, 23 e 25 de março, das 10h às 12h

Inscrições: 17/2 a 3/3

45 vagas

Público-alvo: Gestores Culturais, funcionários de instituições culturais, artistas, produtores, pequenos empresários e público interessado em gestão cultural e políticas culturais.

Link do Formulário: https://forms.gle/jBT3siVQB8ZCVwbSA

Esse curso apresentará um histórico das políticas culturais procurando evidenciar suas transformações nos últimos 50 anos. A partir das ampliações sofridas pelo Campo de Produção Cultural e Criativo ao longo do tempo, o curso demonstrará como a inserção de novos setores culturais e criativos reorganizou os escopos e os papéis das políticas culturais, que por sua vez, contribuíram para o surgimento do termo Economia Criativa. O curso também apresentará uma visão expandida do Campo de Produção Cultural e Criativo procurando apresentar a diversidade de setores, processos produtivos e ecossistemas que o compõem.

   –   

? OFICINA: CONEXÃO ENTRE DANÇA CONTEMPORÂNEA E DANÇAS BRASILEIRAS

Coordenação: Mônica Alvarenga

Datas e horários: 22, 24, 29 e 31 de março, das 10h às 12h

Inscrições: 17/2 a 10/3

30 Vagas

Público-alvo: atores, bailarinos, educadores e demais interessados, mesmo sem experiência na dança, com idade a partir de 16 anos.

Link do formulário: https://forms.gle/cGCcTM4SxzQmxeCW8

A oficina apresentará aos participantes as danças brasileiras de origem africana e ameríndias como o Frevo, Samba de Côco, Bumba meu Boi e Maracatu Rural. E abordará a mesma dentro da corporeidade de cada um e suas possibilidades de junção com a dança contemporânea, trazendo assim novas possibilidades e qualidades de movimentos.

   –   

? PERCUSSÃO BAIANA – MÓDULO 2

Coordenação: Lenynha Oliveira e Rudson Daniel

Datas e horários: 29, 30 e 31 de março, das 18h às 20h

Inscrições: 3/3 a 18/3

35 Vagas

Público-alvo: Aberto ao público, a partir de 16 anos

Materiais necessários: Timbau e para os alunos que não possuem instrumentos, podem nos acompanhar tocando em uma mesa, banco de madeira, cadeira, pedra de mármore , garrafa de água de 20 litros, panela e etc.

Link do formulário: https://forms.gle/GQjXFTfpSqmZVnb68

Aulas de percussão brasileira online focada nos ritmos tradicionais de rua de Salvador da Bahia, tem o objetivo de disseminar a cultura afro musical de forma lúdica e prazerosa para adultos.

   –   

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.