Campanha de Vacinação contra Sarampo terá início nesta quarta-feira

A 2ª Etapa da Campanha Nacional contra o Sarampo terá início nesta quarta-feira (15), incluindo a vacinação em 8 locais distintos de Pirassununga.

A vacinação contra o Sarampo será da seguinte forma: intensificação de vacinação para a população de 6 meses a 29 anos com vacinação seletiva (avaliação da situação vacinal e vacinação conforme o calendário vacinal vigente); e vacinação indiscriminada na faixa etária de 30 a 49 anos, em consonância com o Ministério da Saúde.

As vacinas são aplicadas de segunda a sexta-feira, das 07h às 17h, nas salas de vacina do CEM (Centro de Especialidades Médicas) do Jardim Carlos Gomes e salas das USFs Dra. Lucia Mocho Rosa Tosi (São Valentim); João Balbi (Santa Fé); Dr. João Antonio Del Nero (São Pedro); Aristides Rodrigues (Redenção); Guaraciaba Vanin (Raia); Jardim das Laranjeiras; e José Marafão (Limoeiro).

A Vigilância Epidemiológica e Imunização da Secretaria Municipal da Saúde reforça que considerando-se o avanço do sarampo no país, o Ministério da Saúde, juntamente com estados e municípios realiza esta etapa da Campanha até 31 de agosto.

Segundo documento técnico do Governo do Estado de São Paulo, depois de duas décadas sem circulação endêmica do vírus do sarampo, em 2019 a doença foi reintroduzida no Estado de São Paulo. Explica o Governo Estadual que 29 municípios paulistas mantém a circulação ativa do vírus nos últimos 90 dias (12 semanas), incluindo Pirassununga, além de cidades próximas como Mogi Guaçu e Rio Claro, por exemplo.

Salas de vacinação contra Sarampo:

(de segunda a sexta-feira, das 07h às 17h)

? USF Dra. Lucia Mocho Rosa Tosi (São Valentim)

? USF João Balbi (Santa Fé)

? USF Dr. João Antonio Del Nero (São Pedro)

? USF Aristides Rodrigues (Redenção)

? USF Guaraciaba Vanin (Raia)

? USF Jardim das Laranjeiras

? USF José Marafão (Limoeiro)

? CEM ? Centro de Especialidades Médicas (Jardim Carlos Gomes)

 


– Precauções à vacinação*:

? Doenças agudas febris moderadas ou graves recomenda-se adiar a vacinação até resolução do quadro com o intuito de não se atribuir à vacina as manifestações da doença.

? Após uso de imunoglobulina, sangue e derivados a vacinação deverá ser adiada por 3 a 11 meses, dependendo do hemoderivado e da dose administrada, devido ao possível prejuízo na resposta imunológica. Caso a vacinação ocorra antes do intervalo necessário, a dose será considerada não válida para a rotina.

? As vacinas dupla viral e tríplice viral são compostas por vírus vivos atenuados, o que provoca a inaptidão para doação de sangue pelo período de quatro semanas após a vacinação. Para que a vacinação contra o sarampo não interfira no número de doações de sangue, o Ministério da Saúde recomenda que as pessoas nos grupos etários alvo da vacinação, que tenham interesse em doar sangue, primeiramente, busquem os serviços de hemoterapia para procederem à doação antes da vacinação.


 

– Contraindicações*:

? Crianças menores de 6 meses;

? Anafilaxia à dose anterior da vacina;

? Grávidas não devem ser vacinadas, pelo risco teórico de causar danos ao feto. Recomenda-se que se evite a gravidez por 30 dias após a administrai da vacina;

? Pessoas com imunodeficiências congênitas ou adquiridas. Na possibilidade de exposição ao vírus selvagem avaliar risco-benefício individual. Infecção pelo HIV em indivíduos em vigência de imunossupressão grave (CD4 <15%);

? Pessoas em uso de corticosteroides em doses imunossupressoras devem ser vacinadas com intervalo de pelo menos um mês após a suspensão da droga;

? Pessoas em uso de quimioterapia antineoplásica só devem ser vacinadas três meses após a suspensão do tratamento.

? Transplantados de medula óssea recomenda-se vacinar com intervalo de 12 a 24 meses após o transplante para a primeira dose.


 

* Fonte: Documento Técnico / 2ª Fase da campanha de vacinação contra o sarampo ? 2020. Centro de Vigilância Epidemiológica ?Prof. Alexandre Vranjac? ? Divisão de Imunização (Governo do Estado de São Paulo)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.