Ranchinho Alegre homenageou o violeiro e cantador “Sertanejo” no Centro de Convenções

Com entrada franca e a participação de violeiros e cantadores da cidade e região, o Ranchinho Alegre aconteceu na manhã deste domingo (27) no Centro de Convenções Prof. Dr. Fausto Victorelli.

Se apresentaram o Coral Sertanejo da USP (Pirassununga), o violeiro Guilherme Rissi (Pirassununga), o Coral do Centro de Convivência do Idoso (CCI) – Projeto Musicalidade do Conservatório Cacilda Becker (Pirassununga), o menino violeiro João Vitor (Porto Ferreira) e a Orquestra Sanfônica de Pirassununga.

No “Banco de Prosa”, o programa recebeu a professora de acordeom, Rosinei Maria Rozin, do Conservatório Municipal Cacilda Becker. Rosinei contou como surgiu a Orquestra Sanfônica, como se dá o processo de escolha do repertório, entre outros assuntos.

Durante o programa, a Secretaria de Cultura e Turismo entronizou no cenário do Ranchinho Alegre a fotografia do violeiro e cantador “Sertanejo” (Agenor de Lima), falecido no dia 20 de agosto último. Desde 1970 “Sertanejo” (Perigoso) fazia dupla com “Zé Caboclo” (Heitor Felisberto Luiz), 81 anos. Era a mais antiga formação em atividade na região. Em 2020 eles completaria 50 anos cantando juntos.

Entre as apresentações o público concorreu aos sorteios de “prendas especiais” oferecidas pelo comércio e indústrias locais: La na Rita Alimentos, Bar do Chico, Panificadora Marconi, Casa de Carnes Duas Barras, Restaurante e Choperia Greghi, Supermercado Araúna, Floricultura Florão, Varejão Dois Amigos, Descarte Bebidas, Supermercado Andreetta e Recanto Andreeta, Loja Carange, Lanchonete Zumm, Raul Motos, Sorveteria Jr Cenzi e Agrowestern Moda Country e Agropecuária.

O evento contou com apresentação de Juliano Modena e o apoio da MG Móveis Rústicos (Vila São Pedro) e do Restaurante Cantinho Mineiro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: