Lançamento da Caminhada Passos que Salvam foi na segunda-feira

Pirassununga sedia em novembro deste ano mais uma edição da Caminhada Passos Que Salvam. A Caminhada acontece em Pirassununga no próximo dia 25 de novembro, um domingo, em percurso que inclui ruas da região central.

Na noite desta segunda-feira (10) o Teatro Municipal Cacilda Becker recebeu a Palestra de Sinais e Sintomas do Câncer Infantojuvenil no lançamento da 7ª Caminhada Passos que Salvam.

O evento é em prol do Hospital do Câncer de Barretos, instituição de excelência no tratamento em dezenas de especialidades da doença. A grande maioria dos tratamentos é feita via SUS (Sistema Único de Saúde).

Pacientes de Pirassununga receberam milhares de atendimentos nessa instituição nos últimos anos. O Hospital do Câncer recebe pessoas de mais de 600 municípios paulistas, para procedimentos, cirurgias e tratamentos oncológicos. Parte dos atendimentos é voltado a crianças e adolescentes.

A Caminhada Passos Que Salvam visa ampliar a conscientização sobre a prevenção do Câncer Infanto-Juvenil. O objetivo é sensibilizar e despertar a atenção da sociedade para o diagnóstico precoce e primeiros sinais e sintomas do câncer em crianças e adolescentes, para que cheguem mais cedo aos Centros Especializados e possam alcançar a cura.

Só em 2017 o evento mobilizou mais de 500 cidades em 16 estados brasileiros.

12 mil novos casos por ano no Brasil

Segundo a Sobope (Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica), o câncer é, atualmente, a segunda causa de morte na faixa etária entre 1 e 19 anos. Entretanto, os dados da entidade apontam quem o índice de cura pode chegar a 80% dos casos, quando o diagnóstico é precoce.

Dados do Inca (Instituto Nacional do Câncer) mostram que a cada ano, 12 mil novos casos de câncer infanto-juvenil são diagnosticados. O pico de incidência é na faixa de 4 a 5 anos e um segundo pico é observado entre os 16 e 18 anos.

Ainda conforme o Inca, os tipos de câncer mais comumente diagnosticados em crianças e adolescentes são leucemia, tumores no sistema nervoso central e os linfomas (câncer dos gânglios linfáticos), em geral com origem em células que se desenvolveram em estágios iniciais da gestação.

Diagnóstico precoce reduz custo de tratamento

Estimativas do Hospital do Câncer de Barretos apontam que quando o câncer Infanto-Juvenil é descoberto precocemente, em geral nas ações de prevenção impulsionadas por iniciativas como a Caminhada Passos Que Salvam, o custo de tratamento fica, em média, em aproximadamente R$ 7 mil. Já quando a doença é diagnosticada em estágio avançado, os valores para tratar o paciente com frequência chegam à média de R$ 100 mil – sem contar as chances de cura sensivelmente reduzidas.

Para manter o atendimento quase que totalmente via SUS, o Hospital de Barretos atua enfrentando constantes dificuldades. O custo operacional do hospital passa dos R$ 35 milhões ao mês, sendo que os recursos públicos não passam de R$ 15 milhões mensais. Assim, a instituição acaba operando com déficit mensal de R$ 15 milhões a R$ 20 milhões ao mês.

Para assegurar que o acolhimento e atendimento aos pacientes seja mantido – e com excelência – o Hospital se vale de doações e ações beneficentes como leilões, shows, jantares e mobilizações como a Caminhada, encabeçadas por voluntários de todo o País.

Os sinais do câncer infanto-juvenil

Os principais sinais de investigação em relação ao câncer infanto-juvenil são:

– vômitos associados a dores de cabeça (sem náusea);

– desequilíbrio ao andar;

– dificuldade na visão;

– dores ósseas ou nas articulações;

– movimentos limitados;

– palidez insistente;

– febre persistente;

– emagrecimento;

– fraqueza;

– irritabilidade;

– sudorese excessiva;

– manchas roxas no corpo ou em pálpebras;

– sangramento em geral;

– diarreias crônicas;

– dores frequentes nos dentes, não associadas a cáries;

– dores abdominais prolongadas;

– ínguas, gânglios ou nódulos indolores, com rápido crescimento, principalmente no pescoço, axila ou virilhas;

– nódulos ou pintas na pele, que crescem ou mudam de cor;

– secreção crônica drenada pelo ouvido;

– desenvolvimento precoce de caracteres sexuais;

– na região dos olhos, pupila branca ou totalmente dilatada, protrusão do globo ocular.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: