Governança do “Circuito da Paz” planeja objetivos para 2018

Durante a manhã da última quarta-feira (8), a Governança do Circuito da Paz realizou em São Carlos, a reunião de planejamento dos objetivos, com a participação de empresários do setor turístico e ciclistas da cidade anfitriã. O objetivo principal foi apresentar o Circuito Caminho da Paz, suas estratégias e suas conquistas e visando traçar novos desafios para o ano de 2018.

Além dos convidados, a reunião teve, também, a participação de representantes de turismo das prefeituras de Descalvado, Itirapina, Leme, Pirassununga, Porto Ferreira, Santa Cruz da Conceição, Santa Rita do Passa Quatro, Tambaú e São Carlos.

Entre as conquistas de 2017, destacamos: a consolidação do circuito, as parcerias com as redes hoteleiras e pontos de apoio e serviços turísticos aos ciclistas e peregrinos, e recentemente o lançamento do site: fruto de mobilização entre o poder público e iniciativa privada dos doze municípios participantes do circuito.

Entre os desafios levantados durante o evento, destacam-se: monitorização da sinalização do caminho: placas e setas amarelas; fortalecimento de parcerias com meios de hospedagem e pontos de apoio; ampliação das estratégias de divulgação do Circuito Caminho da Paz; e o monitoramento das estatísticas do Circuito Caminho da Paz.

A proposta é que em 2018 esse evento aconteça em toda a região, para que empresários e ciclistas possam conhecer o circuito e divulgá-lo, além de participar de construir junto o crescimento do circuitocomenta Eduardo Cunha, mediador do programa de regionalização.

Em Pirassununga, o Caminho da Paz tem despertado o interesse dos grupos de ciclistas dispostos a fazer o percurso.Estamos recebendo ciclistas de diversas cidades, conta Juliana Arrivabene, do Hotel Municipal, posto de informação e distribuição doPassaporte, credenciado pelo SENAC no município, que também complementou:O Caminho da Paz será o grande diferencial, não para o setor hoteleiro, como para os pequenos empreendedores estabelecidos ao longo do percurso, dentro da cidade e em Cachoeira de Emas.

O Circuito Caminho da Paz está consolidado e busca, neste momento, ampliar o número de ciclistas e peregrinos, contribuindo assim, com o desenvolvimento do turismo de todas as localidades por onde ele passa.

Caminho da Paz É uma trilha de peregrinação entre vários municípios que serão beneficiados pelo caminho, como elos deste Roteiro Turístico, que além de religioso pode ser considerado um super trekking, turismo cultural, turismo ecológico, dentre outros adjetivos que podemos atribuir ao caminho, no qual poderá se conhecer um pouco da cultura de cada lugar. Para mais informações atualizadas, acesse o site www.circuitocaminhodapaz.com.br.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: