Filarmônica do Sesi se apresenta dia 11 de agosto, neste sábado, no “Dona Belila”

A Orquestra Bachiana Filarmônica do Sesi (SP) se apresenta no próximo dia 11 de agosto (sábado), às 20 horas, no Centro Cultural de EventosDona Belila, em comemoração aos 195 anos de Pirassununga. Sob regência do mundialmente conhecido maestro João Carlos Martins, a orquestra presenteia o público com canções como Concerto 5Imperadore Love Of My Life. A performance é gratuita, basta comparecer no local, na data e horário informados.

Do clássico ao rock, o repertório promete emocionar o público com a interpretação singular da filarmônica para canções de de alguns gênios musicais, como os alemães Johann Sebastian Bach (1685/1750) e Ludwig Van Beethoven (1770/1827), o austríaco Wolfgang Amadeus Mozart (1756/1791), ou ainda Adoniran Barbosa (1910/1982) e os extintos grupos britânicos The Beatles (anos 60) e Queen (Anos 70/80). Mais do que uma apresentação, trata-se de um encontro entre os ouvintes e os músicos da orquestra. Ao longo do espetáculo o maestro interage com a plateia e, em um momento especial, assume o piano e relembra sua trajetória como concertista.

Formada por jovens e experientes instrumentistas de diversas idades, sob direção do maestro João Carlos Martins, a Bachiana contribui para a formação de talentos e dissemina a cultura da música erudita por todo o Estado de São Paulo.

Bachiana Mantida pelo Sesi (SP) e sob a direção do maestro João Carlos Martins, a Bachiana representa ação relevante no apoio à música erudita e ao desenvolvimento de seus integrantes. Assim, abre múltiplas oportunidades profissionais e leva a cultura da música erudita a milhares de brasileiros. As apresentações abrangem desde o interior do Estado, periferias das grandes cidades, até renomados teatros, difundindo e valorizando a música clássica de alta qualidade técnica e artística.

Maestro Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach (1685-1750), o maestro João Carlos Martins (1940) atingiu um patamar raramente alcançado por outros músicos brasileiros no século XX. Um dos pontos altos de sua carreira foi a gravação da obra completa para teclado desse gênio da música. Logo após, devido a problemas físicos, teve que abandonar a carreira de pianista, canalizando sua paixão para a regência.

RepertórioA apresentação da orquestra definiu o setlist com alguns dos hits mais famosos da música clássica e de outros gêneros. Além de Johann Sebastian Bach, em trechos da músicaJesus Alegria dos Homens, também tem Ludwig Van Beethoven, comAs Criaturas de Prometheus,Concerto 5Imperador(2º movimento) eSinfonia 5(4º movimento); Wolfgang Amadeus Mozart, comConcerto para Piano 21(2º movimento).

O repertório será complementado com outras músicas contemporâneas, como as extintas bandas britânicas The Beatles (Yesterday) e Queen (Love Of My Life); o compositor e maestro italiano Ennio Morricone (A Missão / Cine Paradiso); o músico e compositor argentino Astor Pantaleón Piazzolla (Libertango); além do brasileiríssimo Adoniran Barbosa, nome artístico do paulista João Rubinato (Trem das Onze).

ServiçoOrquestra Bachiana Filarmônica do Sesi-SP, sob regência do maestro João Carlos Martins, se apresenta no Centro Cultural de EventosDona Belila, Centro; às 20 horas de sábado (dia 11). A capacidade de público no local é de cerca de três mil pessoas, com duração de 60 minutos e a classificação é livre; entrada gratuita. Outras informações pelo site www.sesisp.org.br/cultura e e-mail comunicacao@sesisp.org.br (fonte de informações Arlete Vasconcelos, Emanuel Galdino e Karina Costa, além de Jacqueline Magnani, Mábily Souza e Priscila Costa).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: