Bares e restaurantes devem dispor de caixas de gordura

Desde o dia destes mês de julho, restaurantes, bares e lanchonetes localizados no distrito de Cachoeira de Emas e Vila Santa estão obrigados a dispor e conservar de caixas de gorduras, após constantes entupimentos verificados junto à rede de esgoto destas localidades.

Segundo informa a Superintendência do Serviço de Água e Esgoto de Pirassununga (SAEP) vai ser intensificada a fiscalização de cumprimento desta determinação, que prevê a instalação, limpeza periódica e manutenção destas caixas de gorduras.Devido aos constantes entupimentos da rede de esgoto foi proposta esta obrigatoriedade, pois os restaurantes, bares e lanchonetes são os principais ‘agentes’ que produzem gordura junto a este rede, observou o superintendente, engenheiro João Alex Baldovinotti.

Por esta determinação, cada estabelecimento terá o prazo máximo de sessenta dias a partir da data que for notificado, para adequar-se à instalação das caixas de gordura. O descumprimento desta obrigatoriedade sujeitará os infratores a multas e outras sanções, inclusive o corte no fornecimento de água.

A função da caixa de gordura é reter este tipo de material, que periodicamente deve ser retirado da caixa e jogado no lixo comum. É expressamente vedado o descarte de resíduos retirados das caixas de gordura em galerias pluviais.

A destinação final dos resíduos retirados das caixas de gordura atenderá ao disposto na legislação ambiental pertinente. Retirar a gordura das tubulações do sistema é muito mais difícil e mais caro do que a limpeza periódica da caixa, que deve ser providenciada pelo proprietário do comércio.

Despesas como estas, fazem parte da composição da tarifa e os consumidores arcam com este custo na conta de água e esgoto, reiterou o superintendente João Alex Baldovinotti (SAEP).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: